todaCASA Gesso e Iluminação

Av Indianópolis, 1906

11-5083-3828 / 11-2068-6869

todaCASA Gesso e Iluminação é especializada no ramo de decoração de interiores, com foco em luminotécnica, priorizando os ambientes que merecem requinte e charme, gerando cenas e ambientes para os momentos inesquecíveis da vida. Através de nossos projetos, é possível visualizar sua casa, e planejar onde iremos planejar cada spot, cada detalhe de luz, e cada ambiente especial que você e sua família vivenciarão.

A todaCASA possui 20 anos de experiência na área, com sua sede própria, com fabricação de seu próprio material, no bairro do Ipiranga. Fique tranquilo: não se preocupe se usaremos forro, rebaixo, sanca, vitral, ou qualquer outro nome técnico. A todaCASA se orgulha de ter os maiores parceiros do mercado, como Interlight e FLC para proporcionar a melhor experiência de obra!

Atendemos toda a região da Grande São Paulo, incluindo todo o grande ABC, Santana do Parnaíba e Barueri!

Aceitamos CONSTRUCARD, CONSTRUSHOP e Cartões de Crédito!

Trabalhamos com forro em placa 60x60, e também utilizamos Drywall, o conhecido gesso acartonado!

Diferentes tipos de temperatura de cor

A nossa visão é totalmente influenciada pela claridade e a luz artificial foi uma das grandes descobertas da humanidade, pois nos dá conforto e bem-estar.

A quantidade de luz emitida por segundo de qualquer fonte luminosa é chamada fluxo luminoso. A unidade que traduz essa medida é chamada lúmen (lm) e a unidade de medição de energia elétrica consumida por uma lâmpada é chamada watt (w).

A medição da intensidade luminosa é utilizada para lâmpadas direcionais, sendo as mais comuns utilizadas as halógenas dicroicas, PAR e as incandescentes refletoras.

Quando falamos em luz quente ou fria não nos referimos exatamente ao calor gerado pela lâmpada, mas sim a tonalidade de cor que essa lâmpada dá ao ambiente. A unidade de medida de temperatura de luz é o Kelvin (k).

A luz fria tem aparência mais branca devido a sua temperatura de cor ser maior que 6.000 k além de ser mais clara e estimulante. Já a luz quente apresenta uma aparência mais amarelada, de baixa temperatura de cor e nunca é superior a 3.000 k. Ela proporciona uma sensação mais relaxante.

Vamos á aplicação prática: luz mais frias são recomendáveis em cozinha, banheiros, e ambientes que exigem atenção, como escritórios. Luzes mais amarelas e quentes são utilizadas em sala, dormitórios e bares. Ambientes aconchegantes para nos deixar á vontade. Não é hora de trabalhar, é hora de descansar.

Confira abaixo uma escala de tonalidades de cor.

diferentes-tipos-de-temperatura-luminosa.jpg
Gesso e Ilumina??o todaCASA - Vila Mariana e Ipiranga