Diferentes tipos de Sancas

 

Pegando do dicionário, “sanca” é qualquer trabalho entre o teto e a parede.

 

Vamos entender melhor essa nomenclatura para trabalhos em gesso?

Sanca Fechada

Essa é a sanca fechada!

É uma caixa de gesso, geralmente com uma base de 30 cm, para abrigar spots ou esconder tubulação. Denomina-se “fechada” porque não tem nenhuma abertura para luz indireta(fluorescente ou led).

 

 

Sanca Aberta

Sanca aberta

 

É a versão com luz indireta do trabalho acima. Como possui esse espaço para iluminação “vazada”, era muito comum utilizar lâmpadas fluorescentes tubulares. Hoje em dia utilizamos a iluminação indireta com fita de led e tubo de led(o led atrai muito menos insetos). Os “poréns” da sanca aberta envolvem acabar dando um pouco mais de trabalho para o pintor, já que a laje fica exposta e serve como refletor para a iluminação(mostrando qualquer ondulação do teto), e acabar acumulando sujeira, já que é um vão que acaba acumulando sujeira, insetos, etc.

Sanca invertida

 

 

Sanca invertida
Isso também é uma sanca invertida!

A sanca invertida se destina a iluminar com luz indireta a parede. Como a lâmpada fluorescente e seu reator precisavam de um grande espaço para serem escondidos, fazia-se essa “casinha” para elas. Com fita de led, dá para colocar em qualquer cantinho!

Leia mais…

">